O Voleibol Brasileiro no Mundo

Competições, Notícias e Regras Oficiais.

Orientações para o Apontador

Regra 25 – Apontador


Localização
O apontador desempenha suas funções sentado na mesa do apontador, no lado oposto e de frente para o 1º árbitro.

Responsabilidades
Manter a súmula de acordo com as Regras, cooperando com o 2º árbitro.
Usar uma campainha ou outro aparelho sonoro para comunicar aos árbitros o que estiver sob sua responsabilidade .

Antes da partida e do set, o apontador:
– registra os dados da partida e das equipes, incluindo o nome e o número do jogador Líbero, de acordo com os procedimentos em vigor e obtém as assinaturas dos capitães e dos técnicos;
– registra a formação inicial de cada equipe, a partir da papeleta de ordem de saque. Se não receber a papeleta de ordem de saque a tempo, ele imediatamente informa este fato ao 2º árbitro.

Durante a partida o apontador:
– registra os pontos marcados;
– controla a ordem de saque de cada equipe e avisa aos árbitros sobre qualquer erro, imediatamente após o saque;
– registra os tempos e as substituições dos jogadores, controlando seu número e informa ao 2º árbitro;
– notifica os árbitros sobre uma solicitação de interrupção indevida;
– anuncia aos árbitros o final dos sets e a marcação do 8º ponto no set decisivo;
– registra quaisquer punições;
– registra todos os outros eventos, conforme instruído pelo 2º árbitro: substituições excepcionais, interrupções prolongadas, interferência externa, etc.

Ao final da partida, o apontador:
– registra o resulta final;
– em caso de protesto, com a prévia autorização do 1º árbitro, escreve ou permite ao capitão da equipe em jogo solicitar que seja registrado na súmula que seguirá seu protesto.
– após assinar a súmula, colhe a assinatura dos capitães das equipes e a dos árbitros.

O R I E N T A Ç Õ E S

O trabalho do apontador é muito importante. Todos os árbitros e juízes de linha devem saber como preencher uma súmula; e, se necessário, eles devem ser capazes de realizar o trabalho do apontador.
O Apontador
Deve conferir, depois de receber as papeletas de ordem de saque com a formação inicial das equipes e antes do começo de cada set, e se os números nelas contidos estão na relação das equipes (se não, deve relatar ao 2º árbitro).
Informar ao 2º árbitro o segundo tempo e a 5ª e a 6ª substituições de cada equipe (que informará ao 1º árbitro e ao técnico).
Deve cooperar bem atentamente durante o processo de substituição:
O 2º árbitro, depois de autorizar apitando uma substituição, aproxima-se do encontro das linhas de ataque e lateral e posiciona-se de frente para o apontador.
Ao mesmo tempo, o jogador substituto deve ir para a zona de substituição, de frente ao 2º árbitro, elevando uma mão com a plaqueta numerada.
Se o técnico solicita mais de uma substituição, o processo de substituição deve ser feito um de cada vez, assim o 2º árbitro e o apontador têm tempo para conferir e verificar a legalidade delas.
O 2º árbitro olha para o apontador que, vendo a plaqueta numerada e o número na camiseta do atleta, confere se a solicitação é legal; se for legal, o apontador imediatamente levanta uma das mãos.
Neste ponto, o 2º árbitro, vendo a mão levantada do apontador, entende que a solicitação é legal e imediatamente deixa o jogador substituto entrar na quadra enquanto o outro a deixa.
O apontador, depois de mostrar ao 2º árbitro que a substituição é legal levantando a mão, imediatamente escreve o número do reserva e o placar no momento da troca no espaço apropriado da súmula.
Então, ele deve imediatamente levantar suas duas mãos para mostrar que os procedimentos administrativos foram completados. No caso de múltiplas trocas, o apontador deve usar o mesmo procedimento para cada substituição.
Depois de o 2º árbitro ver a sinalização manual do apontador de “OK”, ele repete este sinal para o 1º árbitro que agora poderá apitar autorizando o próximo saque.
Neste momento, o apontador deve se concentrar em conferir se o sacador segue ou não a ordem de rotação.
Se não, ele deve parar a jogada imediatamente após o saque, acionando a campainha, mas nunca antes da execução do saque. O 2º árbitro deve ir até a mesa do apontador para conferir a decisão do apontador e informar às equipes e ao 1º árbitro da situação.
Se o apontador descobre que a substituição é ilegal, depois de olhar para o reserva próximo ao 2º árbitro e comparar o número da camiseta e da plaqueta na mão dele com os “jogadores iniciantes” e ”reservas” da súmula, ele imediatamente levanta uma mão e a balança dizendo: “a solicitação de substituição é ilegal”.

Neste caso, o 2º árbitro deve ir imediatamente até a mesa do apontador e conferir, com base nos dados da súmula, a ilegalidade da solicitação.

Se confirmada, a solicitação deve ser rejeitada pelo 2º árbitro.

O 1º árbitro deve penalizar a equipe com um “retardamento de jogo”.

O apontador deve registrar o retardamento de jogo na seção “penalidades” da súmula.

O 2º árbitro confere o trabalho do apontador acompanhando o procedimento.

Anúncios

7 de maio de 2009 - Posted by | Orientações Gerais, Regras Oficiais

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: